terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Rajoy e Cameron abordarão soberania de Gibraltar em encontro.


Diante do primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, o presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, defenderá nesta terça-feira (21/02) o direito dos habitantes de Gilbraltar em decidir sua soberania, posição mantida há anos pelo Reino Unido.
Essa é a primeira vez que Cameron recebe Rajoy desde que o mesmo foi eleito presidente do governo espanhol. O encontro será realizado em Downing Street, a residência oficial do primeiro-ministro britânico, e será finalizado com uma entrevista coletiva conjunta.
A crise econômica e as reformas devem ser os principais temas que serão abordados neste encontro dos dois líderes conservadores. No entanto, Rajoy também pretende abordar a possibilidade de um "diálogo construtivo" sobre a soberania de Gibraltar.
Os porta-vozes de Downing Street e do Foreign Office (Ministério britânico das Relações Exteriores) evitaram fazer comentários prévios sobre suas respectivas agendas e, principalmente, sobre as diferenças entre a Espanha e o Reino Unido sobre Gibraltar.
Nas últimas semanas, o Ministério das Relações Exteriores do Reino Unido insistiu em rejeitar um processo de negociações sobre a soberania de Gibraltar, a menos que essa medida seja reivindicada pelos habitantes da região.
A crise ocupará grande parte das conversas entre Rajoy e Cameron, dois dos 12 chefes do governo da UE (União Europeia) que na última segunda-feira (20) enviaram uma carta aos responsáveis comunitários com um programa de oito pontos para promover o crescimento econômico.
A carta, que não foi aderida pela Alemanha e França, assinala que é uma tarefa "essencial" pôr em ordem as finanças nacionais, assim como é "necessário" modernizar a economia, aumentar a competitividade e corrigir os desequilíbrios macroeconômicos.
Nesta terça-feira, Rajoy e Cameron participarão de um almoço de trabalho em Downing Street e, posteriormente, visitarão juntos as obras de Crossrail, um projeto de infraestrutura para o metrô de Londres que conta com participação das empresas espanholas Ferrovial, Dragados (ACS) e FCC.
Na parte da tarde, na residência do embaixador espanhol em Londres, Rajoy se reúne com o vice-primeiro-ministro, o liberal-democrata Nick Clegg, que fala espanhol fluentemente. Esse encontro fecha a agenda oficial do presidente do governo espanhol em Londres. 
Fonte: Opera Mundi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário